Sapos hiper-realistas acabam assim com as dissecações em animais verdadeiros

Uma escola de New Port Richey nos Estados Unidos é a primeira do mundo a acabar com o uso de sapos reais nas dissecações escolares.

J.W. Mitchell High School vai assim usar rãs artificiais e muito realistas, como substitutas das reais. As rãs, chamadas de SynFrog são desenvolvidas pela SynDaver com sede em Tampa. A empresa recria assim modelos sintéticos humanos e animais usados para educação ou qualquer tipo de simulação do mesmo género.

“O Distrito Escolar do Condado de Pasco está comprometido em ser um líder em inovação e oportunidade para os alunos, por isso estamos animados para anunciar que a Mitchell High School é a primeira no mundo a usar SynFrogs em laboratórios de ciência” disse Kurt Browning, Superintendente de Escolas do Condado de Pasco.

“Estes sapos sintéticos imitam as propriedades visuais e texturais de uma rã fêmea viva” de acordo com SynDaver.

Esperamos que esta seja uma medida a implementar em todas as escolas do mundo!

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here