Karl Van Noppen, o veterinário que foi assassinado por investigar hormonas de crescimento da carne.

“O Karl não estava sozinho. Outro veterinário belga teve a porta da frente da sua casa, cravada com balas. Um eurodeputado que fez campanha contra o comércio deste tipo de hormonas viu um cocktail molotcov e uma granada de mão lançados contra ele. Outros veterinários foram espancados”, diz a edição do The Independent de 16 de março de 1996.

Assassinado a tiro à porta de sua casa, o veterinário Karl Van Noppen investigava há meses, práticas ilegais de criadores de gado e empresários envolvidos num esquema de hormonas de crescimento usadas na produção de carne. Os seus colegas sabiam ue ele estava perto de apanhar o gang que abrangia a Bélgica, Holanda e provavelmente França.

Apesar deste assassinato ter tido um grande impacto na Bélgica em 1995 acredita-se que a “máfia das hormonas” tenha continuado no ativo até aos dias de hoje e a história inspirou um filme lançado em 2011 (Bullhead). Três homens foram condenados a 25 anos de cadeia e um quarto foi condenado a prisão perpétua.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here